Filie-se

Mesmo sucateada, com salários, gratificações e horas extras em atraso , a PCERJ ainda é a PCERJ

Sindpol RJ Comente 06.12.17 767 Vizualizações Imprimir Enviar
NOTA CONJUNTA

O SINDPOL-RJ e a COLPOL-RJ parabenizam os verdadeiros Policiais Civis que efetuaram a investigação e prisão do traficante, vulgo “Rogério 157”, o criminoso mais procurado do Rio de Janeiro, líder do crime organizado na comunidade da Rocinha.

Não importa a unidade em que atualmente estão lotados, não importa quem vai dar a entrevista dessa vez. O que importa é que o trabalho foi bem feito pelos agentes, uma vitória contundente sobre as forças do mal,  mesmo sem as mínimas condições materiais e de pessoal, em respeito à sociedade carioca e fluminense, cuja defesa ininterrupta expõe à própria vida desses bravos guerreiros, que, corajosamente, atuam em locais de alto risco, onde poucos homens ou mulheres, em plena consciência, se arriscariam.

Diante de mais uma conquista para a sociedade, o que exigimos do Governo do Estado é apenas que cumpra com suas obrigações pecuniárias e que forneça condições dignas para que os Policiais Civis sigam investigando e prendendo, pois somente com investimento sério na polícia investigativa e técnico-científica é que seremos capazes de enfrentar o crime organizado, diminuindo a  criminalidade real e aumentando a sensação de segurança da população, dos empresários, dos turistas.

Investir na segurança pública e na qualidade dos seus profissionais não pode ser encarado como despesa pelos gestores. Através de uma PCERJ forte, com Policiais Civis bem treinados, remunerados de forma compatível com sua formação, risco, responsabilidade e relevância sociais, é que o Estado poderá sair desse buraco em que se encontra, atolado pela corrupção e má gestão.

Assim, a economia será reativada, os empresários irão investir, postos de trabalho serão criados, impostos serão arrecadados, os turistas irão nos visitar.

Salvem a Gloriosa Polícia Civil! Salvem o Rio de Janeiro!

#gloriosapcerj

#sindpolrj

#colpolrj

Sindpol RJ

  • contato@sindpolrj.com.br

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

© 2017 SINDPOLRJ.